On fevereiro 20, 2019

5 motivos para aprender SQL

sql-consultoria

Você entende a importância que a linguagem SQL tem na vida do profissional de TI? Conheça 5 motivos para aprender a linguagem de consulta estruturada.

1. Linguagem simples e padrão: Pode parecer clichê, mas não é. A linguagem SQL já é utilizada por algo em torno de 40 anos e teve poucas mudanças. Ela é uma linguagem estável e que se adapta às evoluções das outras linguagens. Com isso a sua essência não precisa ser alterada. SQL é uma linguagem declarativa: nós especificamos apenas QUAL resultado desejado, deixando o trabalho de COMO obter as otimizações para o SGBD. Ao longo do tempo e com experiências anteriores nossas consultas ficam cada vez melhores.

2. SQL está em “todo lugar”: Independentemente da linguagem de programação que você vai se especializar: linguagens de Banco de Dados como PL/SQL e o T-SQL, linguagens orientadas a objetos como Java ou alguma do pacote .Net. Você precisa se comunicar com uma base de dados. E o conceito base para isso são os princípios de SQL.

3. Lógica de Programação e SQL “andam juntas”: Entender a sintaxe e a forma de funcionamento de um SQL, sem dúvidas nos dá a capacidade de enxergar vários tipos de situações de maneira diferente. Ao lidar com soluções que não se limitem às linguagens que você conhece, você se torna um profissional com a mente mais aberta e com soluções mais inteligentes.

4. Por que ser um DBA? Para administradores de bancos de dados – conhecidos como DBAs (Database Administrators) – as oportunidades do mercado são cada vez maiores. Estes profissionais são responsáveis por gerenciar, instalar, configurar, atualizar e monitorar um banco de dados. Óbvio que assumir um cargo de tal importância, exige dedicação e certificações! Quem sabe você começa a estudar e a ver a área como um novo horizonte na carreira?!

5. Você terá um diferencial! Você é mais um que diz saber da linguagem mas sabe o “básico do básico”? Tome cuidado, fecho com esse motivo pois vejo constantemente pessoas que se dizem DBAs mas na prática não é bem assim. O SQL é uma linguagem complementar e um requisito básico que todo programador deve saber, e quanto mais você estudar, melhor colocado e bem visto no mercado você vai ser. Vale lembrar que esse diferencial deve ser “encorpado” com outros elementos, como: um bom inglês (de preferência fluente), networking com profissionais da área (participe de eventos) e se estiver no começo da carreira busque oportunidades visando aprendizado, o financeiro é consequência de sua competência e reconhecimento.

Fonte: iGTi

  • Por Felipe  0 Comentários   5
  • SQL

    0 Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *